Lorem ipsum dolor sit amet

abril 18, 2019 / Geral

O Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios divulgou a convocação das provas do concurso para cartórios.

(FOTO: GOOGLE)

As provas do concurso do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios  (TJDFT) serão realizadas no dia 28 de abril, domingo. O edital de convocação com as instruções para o exame foi divulgado nesta terça-feira, 16, o Diário Oficial da União.

De acordo com o documento, a consulta individual dos locais de prova estará disponível a partir do dia 24 de abril, pelo site do Cebraspe, o organizador. O candidato deverá informar os dados solicitados para ter acesso.

O exame terá início às 8h para os candidatos à outorga por provimento, enquanto quem concorre para outorga por remoção realizará na parte da tarde, às 15h. Ambas as provas terão duração máxima de cinco horas.

A prova contará com diversas questões, distribuídas por Língua Portuguesa, Conhecimentos Gerais, Registro Civil das Pessoas Naturais, Tabelionato de Notas, Tabelionato de Protesto de Títulos, Registro de Imóveis, Registro Civil das Pessoas Jurídicas e de Títulos e Documentos; Legislação Especial; Direito Constitucional, Direito Administrativo, Direito Tributário, Direito Civil, Direito Processual Civil, Direito Penal e Direito Empresarial.

O TJDFT também divulgou a relação de inscrições deferidas, após a lista preliminar. Os cadastros foram validados e as repostas aos recursos serão divulgadas no dia 23. A lista está dividida em provimento e remoção.

(FOTO: Divulgação)

Concurso TJDFT terá outras etapas de seleção

Com edital publicado em dezembro, o TJDFT oferece quatro vagas para outorga de delegações de serventias extrajudiciais de notas e de registro.

Para concorrer, é preciso ser bacharel em Direito, com diploma registrado, ou ter exercido, por dez anos, função em serviços notariais ou de registros. Para esses, será oferecida remuneração conforme o rendimento dos serviços.

As inscrições foram recebidas de 4 a 26 de fevereiro, pelo site do organizador, com taxa de R$250, mas podendo pedir isenção.

O concurso para cartórios do TJDFT contará com outras etapas, além das provas objetivas, que será seguida por provas práticas. Logo após, haverá a  comprovação de requisitos para outorga das delegações, composta das seguintes fases:

I – exame psicotécnico e entrega do laudo neurológico e do laudo psiquiátrico, ambos de caráter descritivo e de presença obrigatória, de responsabilidade do Cebraspe;

II – entrevista pessoal, de caráter descritivo e de presença obrigatória, de responsabilidade do TJDFT/Comissão de Concurso;

III – análise da vida pregressa, de caráter eliminatório, de responsabilidade do TJDFT/Comissão de Concurso;
Além disso, para a quinta e sexta etapa, os candidatos ainda serão avaliados com prova oral e avaliação de títulos, respectivamente.

(FONTE)

 

Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *